Skip to content
Home » Posso colocar Costela-de-adão (Monstera Deliciosa) em Aquário?

Posso colocar Costela-de-adão (Monstera Deliciosa) em Aquário?

  • by
Planta-Costela-de-Adão-em-aquário

Sim, pode colocar a planta Costela-de-Adão ou Monstera no aquário, mas nunca completamente submersa. Apenas as raízes devem estar em contacto com a água.

A Costela-de-Adão pode viver em aquários por tempo indefinido e amadurecer rapidamente, por terem acesso a nutrientes (fertilizante natural), muita luz e temperaturas quentes.

Estas plantas lustrosas proporcionam um toque exótico e desempenham funções extremamente úteis em aquários, tais como: fornecer abrigo para os peixes e alevinos, auxiliar na filtração e oxigenação da água, e ainda ajudar na redução do crescimento de algas indesejadas.

Vantagens de colocar Monstera Deliciosa no aquário:

  • Proporciona uma estética natural e “selvagem”;
  • Absorve nutrientes em excesso;
  • As raízes proporcionam abrigos naturais e esconderijos para os habitantes do aquário, reduzindo o estresse e criando um ambiente mais natural;
  • Filtragem Biológica;
  • As raízes proporcionam maior superfície para bactérias benéficas se instalarem, auxiliando na manutenção do equilíbrio biológico.

A Costela de Adão é tóxica para os peixes?

A Monstera contém cristais de oxalato de cálcio, que são tóxicos, mas não deverá representar um risco para os peixes, se forem tomadas as devidas precauções: 

  • A poda deve ser feita longe do aquário para que a seiva não pingue na água;
  • As s folha caídas devem ser removidas do aquário;
  • Mantenha as folhas fora do alcance dos peixes e evite que mordisquem as folhas.
monstera, leaf, nature-1328825.jpg

Cuidados a ter com a Costela-de-adão em aquário

  • As raízes podem crescer rapidamente e entupir o sistema de filtragem do aquário;
  • As folhas grandes da Monstera podem restringir a quantidade de luz que chega ao aquário, afetando o crescimento de outras plantas aquáticas e o equilíbrio do ecossistema;

Na verdade, para evitar quaisquer riscos e problemas com o aquário, é recomendado simplesmente optar por plantas aquáticas.

A Monstera pode crescer submersa em água?

Não, apenas as raízes devem estar submersas. Se submergir as folhas da Monstera, elas apodrecerão rapidamente e vão libertar substâncias tóxicas na água, representando um risco para os habitantes do aquário.

Raíz de Costela-de-Adão

Se deseja colocar plantas totalmente submersas, então opte por plantas aquáticas.

A Monstera filtra o aquário?

Não. Embora auxilie na filtragem do aquário, trata-se apenas de um benefício adicional. Nunca uma Costela-de-adão poderá substituir um filtro de aquário.

Devo colocar Costela-de-Adão em pequenos aquários?

Para pequenos aquários, deverá optar pela planta Jiboia (Photos) ou por plantas aquáticas. A razão reside na natureza vigorosa e expansiva da Costela de Adão, que pode crescer bastante e requer espaço considerável para seu desenvolvimento saudável. 

Num pequeno aquário, a Monstera Rapidamente irá dominar o espaço e afetar o equilíbrio do ecossistema.

No entanto, planta Jiboia é uma excelente alternativa para aquários menores.

Como plantar Costela-de-Adão no aquário

Enraizamento por meio de mudas:

O enraizamento de estacas é o método preferido para plantar Monstera num aquário de peixes, devido à sua eficiência. 

Comece por selecionar uma estaca com um nó (pequena saliência onde as folhas e as raízes emergem), mas deixe que o corte fique caloso para evitar que o ácido oxálico prejudique o aquário. 

Mergulhe o nó em água e deixe-o enraizar. A água quente e bem oxigenada, juntamente com a umidade e a luz adequadas, criam um ambiente ótimo para um enraizamento rápido e bem-sucedido.

Costela de adão em Jarra de água

Raízes aéreas:

Se possui uma Monstera estabelecida com longas raízes aéreas, então está com sorte. Poderá utilizar estas raízes aéreas a seu favor, introduzindo-as no seu aquário. 

Este método permite o crescimento de raízes antes de cortar uma planta da sua planta “mãe”. Ao colocar a raiz aérea na água, pode estimular o crescimento da raiz. Com o passar do tempo, a raiz aérea transformar-se-á numa raiz aquática, o que lhe permitirá fazer um corte e transferi-la para o aquário.

Como fixar a Costela-de-adão no aquário

Suspensão a partir de cima: Para um toque criativo, suspenda a sua Monstera a partir de uma estrutura acima do aquário. Este método requer um caule longo com uma raiz aérea que chegue à água. Alternativamente, pode enraizar o restante caule após remover o corte superior.

Enraizamento na decoração do aquário: Poderá utilizar a decoração do aquário, tal como madeira ou troncos, para apoiar a Monstera. Isto não só mantém a planta na vertical como também proporciona um elemento visual único.

Colocar a Monstera entre a tampa e a lateral do aquário: Certifique-se de que a planta tem um caule grosso ou ajuste a posição da tampa para evitar danificar o caule.

Tags:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *